quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Prossigo para o alvo


Filipenses 3:13, 14

13 Irmãos, quanto a mim, não julgo havê-lo alcançado; mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que para trás ficam e avançando para as que diante de mim estão, 

MINHA PESSOA

“quanto a mim”

Olhe para sua vida e não para a dos demais.
Quanto tempo perdemos tentando “cuidar” de vidas que não são a nossa.

Não fale das falhas dos demais, fale de tuas falhas.

O Evangelho foca a você!

MEU JULGAMENTO

“não julgo havê-lo alcançado”

Mesmo princípio. Não julgar aos demais, mas a si mesmo.
Após seu próprio julgamento, Paulo chega à conclusão que ainda não tinha alcançado. Alcançado o que? Ele responde o que julgava não ter alcançado no próximo versículo.

MINHA AÇÃO

“mas uma coisa faço”

Quanto ativismo!

O ser humano está se matando rapidamente tentando fazer mil coisas quando uma somente é necessário. 
Lembrem-se de Marta (afanada em muitas coisas) e Maria (escolhei uma coisa e a melhor).


Posso fazer mil coisas desde que todas elas estejam direcionadas e relacionadas 
a uma única coisa que faço na vida.

1 Coríntios 10:31
Portanto, quer comais, quer bebais ou façais outra coisa qualquer, fazei tudo para a glória de Deus.

Paulo fazia uma coisa em duas partes

“esquecendo-me das coisas que para trás ficam"
"avançando para as que diante de mim estão"

Não serei capaz de esquecer as coisas que para trás ficam, sem as resolve-las.
Serei capaz de avançar para as que estão diante de mim, quando resolvo as que ficaram atrás de mim.

MEU ALVO

14 prossigo para o alvo, para o prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.

Uma vez que foquei a mim, julgando não ter alcançado ainda o alvo, sendo objetivo em fazer uma coisa, devo prosseguir.

Prosseguir para o alvo, mas qual alvo? O meu ou o de Deus?
Tem que ser o de Deus.


Não vale a pena viver para que Deus realize meus alvos e sonhos; 
mas sim para que eu realize e seja os alvos e sonhos de Deus.

MEU CHAMADO

"o prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus"

Há um prêmio de um chamado soberano e divino para mim. Por isso não devo viver para minhas realizações, mas viver para cumprir o chamado e propósito de minha existência nessa terra para então receber o prêmio - a vida eterna com Cristo.

JLS

sábado, 6 de dezembro de 2014

Começar no Espírito e terminar na carne

Gálatas 3:3
" Sois vós tão insensatos que, tendo começado pelo Espírito, acabeis agora pela carne?"

Como podemos fazer isso?
A questão é entre o começo e o fim.

Satanás não é convidado, mas ele vem em iniciativas, a princípio boas, e quer usar nossa carne (sistema e natureza pecaminosa dentro de nós) para que as coisas que deveriam terminar bem e para a glória de Deus, terminem em fracasso e vergonha.

Antes de começar algo, antes de convidar, sair e estar com pessoas, pense se o lugar é seguro, se há possibilidades de ceder a tentações, se há proteção suficiente para você e os demais, pois o que deveria começar e terminar bem, pode começar no Espírito (vida espiritual) e terminar na carne (morte espiritual).

O que acontecia na igreja aos Gálatas, tem acontecido na igreja atual e não podemos continuar assim.

Não se junte para falar de Deus, quando sua carne não está sujeita a Ele.
Começará em Deus e terminará na carne.

A questão é sim como começamos, mas principalmente como seguimos e terminamos.
Precisamos de começar e terminar no Espírito.

JLS

Ficaram com Ele - João 1.39

Clique aqui para ouvir